domingo, 24 de outubro de 2010

Papai e mamãe

A Thaís, mãe da Isabella, lançou uma promoção no Blog dela com o desafio de escrevermos a historia de como nós leitores do Blog e pais de bebês da blogosfera, nos conhecemos. A princípio não me animei muito, mas depois achei interessante a oportunidade de escrever sobre isso, para no futuro nossa filhotinha possa ler.

Vou tentar resumir. Aí vai:

Papai e mamãe passaram no mesmo concurso, em 2002, e foram enviados para os mais distantes rincões desse nosso País, papai para Roraima e mamãe para o Amazonas. Ainda não nos conhecíamos e vivíamos fases totalmente diferentes das nossas vidas, mas ambos seguindo atrás de um sonho, que era trabalhar junto a natureza, tentando cuidar do meio ambiente, cada um em sua Unidade de Conservação. As realidades também foram muito diferentes, mas para ambos foram experiencias muito intensas, cheias de sofrimento e também crescimento, aventura, camaradagem e muitas novas amizades. Nessa época sempre buscávamos a companhia dos nossos colegas, igualmente "exilados", muito longe de casa e vivendo as mesmas realidades. Estávamos sempre muito interessados em conhecer e trocar experiencias com o maior numero de colegas possivel.
Apesar dos percalços, aproveitamos para curtir e conhecer lugares novos, principalmente o papai que viajou bastante. Em uma de suas viagens, mamãe passou pela cidade que o papai morava, mas ele estava viajando e não nos conhecemos. Mamãe viu fotos do local que o papai trabalhava e ficou maluca para conhecer, começou então a se planejar para isso. Um ano depois os planos deram certo e mamãe foi até lá, mas novamente papai estava viajando...A viagem se estendeu para outros lugares, por muitos dias, até que mamãe e seus amigos voltavam para casa e pararam na ultima cidade da fronteira, antes de entrar no Brasil. Estávamos almoçando em um restaurante e chega um colega do papai que mamãe conhecia, junto com o proprio e outras pessoas. Nesse dia fomos apresentados sem nenhuma pretenção, conversamos brevemente e nos despedimos.
Mais de um ano se passou, mamãe já estava de volta a Brasilia há algum tempo, e papai é transferido pra cá. Fica hospedado na casa da Simone, amiga em comum. Os 3 saem juntos algumas vezes e começa a "rolar um clima". Menos de uma semana depois estávamos namorando. Papai procurava apartamento para alugar e encontrou um no predio ao lado do da mamãe. Alugou o apartamento, mas nunca morou lá, foi ficando na casa da mamãe mesmo.

Nós 2 bem no início do namoro.

Depois chegaram seus irmãos gatinhos e no ano seguinte papai entregou o apartamento e ficamos oficialmente morando juntos. Até que quase 4 anos e meio depois você chegou para completar nossa família e selar de vez essa união. Te amamos muito, filha!

6 comentários:

Thais Bessa disse...

Que história legal! Agora vcs estão em Brasília, né? Saudade daí, morei por 8 anos para fazer faculdade e depois trabalhar.

Bjos

Lia disse...

Quando vi a foto lá de cima, pensei: "Quem é essa sirigaita aí com o marido da Kelly???" Daí mandei ampliar e vi que era você mesma... hoho
Você contiua a mesma, mas os seus cabelos, quanta diferença! ;)

Fabiana disse...

Bacana a história de vocês!
E o comentário da Lia? hahahahaha...só ela mesmo!

Fabiana disse...

Olha o que o destino não faz, heim?!
Que história mais legal!
E ta ai Clarinha pra fazer tudo isso valer a pena.

Bjokas.

Cris disse...

Muito legal a história de vcs!!!
Parabéns!!!!

Marcella Nathaly disse...

Ai que legal! Vou fazer um post desse também (algum dia que sobrar tempo nessa minha vida maluca)! Adorei!

Beijão!