domingo, 29 de maio de 2011

Mais uma doencinha

Ontem os olhinhos da Clara começaram a criar remelas amareladas, fiquei preocupada que pudesse ser conjuntivite, mas ainda bem que não é. Ela dormiu super mal a noite. Hoje ela começou a recusar comida. Esse é um sinal de alguma doencinha chegando, fechar a boca pra tudo. Ela não quis jantar nada e só mamou no peito. Pior que tenho a sensação que não tenho mais tanto leite para essas ocasiões em que ela mama mais, e ela tem recusado categoricamente a mamadeira. Dormiu na hora normal, mas já acordou 2 vezes, com um pouco de febre, olhinhos cheios de remelas e muito catarro. Preparei o nebulizador mas não consegui fazer, era só aproximar que ela começava a se debater. Tomara que seja coisa leve e que passe bem rápido.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Comunicação

Estou amando essa fase da descoberta das palavras. Como já contei aqui, a cada palavrinha nova eu quase morro de orgulho e amasso e beijo muito a Clara. Uma coisa engraçada que acontece aqui é que o vocabulário da Clara não aumenta muito, porque geralmente novas palavras vem pra substituir as anteriores, ou seja, ela aprende algumas novas e para de falar outras. Será que isso é comum acontecer?
Outra coisa que acho fofa demais é que ela gosta de exibir seu vocabulário pra mim enquanto mama ou quando estamos no carro, começa a falar tudo que sabe (não é muita coisa, mas eu acho lindo).
No domingo estávamos na casa da vovó e no final da tarde eu comentei com ela que estava na hora de tomar um banho. Ela saiu rápido e foi lá pra dentro. Eu nem reparei porque ela não para quieta, fica o tempo todo andando de um lado para o outro. Depois de um tempinho ela voltou e ficou do meu lado resmungando, pela primeira vez começou a ficar nervosa porque eu não entendia o que ela queria. Até que minha mãe falou: acho que ela está esperando o banho que você prometeu. Aí eu perguntei se ela queria tomar banho e ela saiu correndo para o banheiro, muito engraçado.
Hoje a levamos para tomar vacina (tetra + polio + varicela). Quase sempre é o pai que entra com ela, pois eu não gosto de segurar. Na saída ela ficou reclamando um pouco. No carro a caminho da escola toda hora ela chorava, aí eu perguntei porque ela estava chorando e ela ficou me mostrando a perninha, ô dó! Ela não sabe falar mas já se comunica muito bem, mostra o que quer, escolhe a fruta ou qualquer outra coisa que quer comer, é um mundo novo de descobertas!

terça-feira, 17 de maio de 2011

15 meses


Esta é minha menininha de 15 meses, cada dia mais participativa e esperta, adora chamar a atenção de todo mundo, mas ao mesmo tempo é tímida, tem vergonha quando falam com ela e se esconde atrás da gente. Gosta de livros e revistas, mas ainda não presta muita atenção nas histórias, gosta que a gente mostre as figuras e diga os nomes, isso sim a deixa toda compenetrada. Brinca e brinca e brinca o dia inteiro. Só tem dormido uma vez na escola durante todo o dia, o que eu acho muito pouco, mas fazer o que. Quando me vê sempre pede mamá e dá piti se eu não der rápido, mesmo se estiver de barriga cheia. Geralmente ainda acorda a noite pra mamar mas de vez em quando me dá de presente umas 6 horas de sono direto. Tem falado palavrinhas novas e eu quase morro de orgulho e acho a coisa mais linda desse mundo. Continua com 5 dentes, mas acho que o sexto está pra sair. Faz uma bagunça incrível, espalhando brinquedos, livros e tudo o mais que encontrar pela frente na casa inteira. Na casa da minha mãe espalha até mesmo frutas e legumes que estiverem dando sopa na fruteira. É uma criaturinha ciumenta. As professoras da creche já tinham me alertado e tenho comprovado aqui em casa, ela tem ciúmes até dos gatos. Toda vez que me vê ou o pai com um gato ou cachorro ela corre pra pedir colo. Não pode ver um espaço mais aberto que adora sair correndo e gritando, celebrando a liberdade. Tem sido complicado sair com ela de casa para ambientes fechados, por isso temos preferido programas mais diurnos e onde ela possa ficar mais a vontade.
Enfim, acho que já chega de tentar descrever minha criaturinha cheia de energia. Nem preciso dizer que estou encantada com a oportunidade de acompanhar o crescimento dela e cada dia mais apaixonada por essa criança linda que tive a sorte de ter aqui comigo.

terça-feira, 10 de maio de 2011

De novo os animais

No final de semana Clara não queria comer nada. Num restaurante, tentando distraí-la pra ver se ela comia um pouco, começo uma brincadeira:
- Clara como é que faz o gatinho? (falado com voz estranha para dar entonação à brincadeira)
- Minhááááá

- Eeeee como é que faz o cachorrinho?
- uauauaua (fazendo boquinha de buldogue com o beicinho de baixo pra fora)

E assim fui falando vários bichos.
- Clara, e o passarinho, como é que faz?
Ela pensa e responde: sacode os bracinhos como se estivesse voando!!!
Claro que eu arranquei da cadeirinha e amassei muito né. rsss

Ah, e ela aprendeu a dar beijo e jogar beijo, a coisa mais linda desse mundo.

domingo, 8 de maio de 2011

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Notícias

Clara está uma verdadeira figurinha, super esperta e muito gostosa. Ela que nunca foi de dar beijo em ninguém tem nos surpreendido as vezes com um carinho super gostoso, meio que encosta a testa e o nariz no nosso rosto, eu aperto muuuuuito.
Tem falado algumas coisas básicas, aperfeiçoando o Papa, que serve para Papai, papá (comida), sapato e pá, bó (bola), mama (mamãe e mamá, mas em tons diferentes), uóuó (vovó), Ñiña (cachorrinha). Ela gosta de exibir seu amplo vocabulário quando está mamando, solta o peito e fala: Papá, Mamã e um resmungo. Eu já sei que ela quer que eu diga o nome dos componentes da família e repito: papai, mamãe e Clarinha. Geralmente também falo o nome dos gatos. Hoje ela soltou o peito e falou: Papá, Mamã, Tôto. Como eu repeti só os nomes dos humanos da casa ela ficou largando o peito e repetindo: Tó, tôto, totó. Até que eu me dei conta que ela estava falando do Thor, um dos nossos gatos, falei Ahhh, o Thor! E ela abriu aquele sorrisão.

Sempre cantamos músicas relacionadas a animais ou brinquedos ou qualquer coisa (que exista música, claro), e ficamos sacudindo o tal objeto, como se ele estivesse dançando. Aí quando ela quer uma música pega alguma coisa e fica sacudindo, mas tem que ser a música da tal coisa, não serve qualquer uma. Ou então se não tem nada na mão levanta o bracinho e fica sacudindo, falando hum hum, ou então bate palminhas, e o difícil e descobrir o que ela quer ouvir, as vezes ela sacode a cabeça que não é aquela música e eu vou tentando até achar alguma que sirva.

Já sabe o som que fazem os leões, gatos (claro), cachorros, vacas e eventualmente algum outro bicho. De repente começou a adorar o DVD Baby Einstein Animais do mundo.

Teve uma apresentação na escola sobre o Projeto Mala de leitura (acho que esse assunto merece outro post) e cada turminha falava de um animal. A turminha da Clara falava do caranguejo (que se chamava Clara) e algo sobre não fazer cara feia. Com isso ela aprendeu a fazer a tal cara feia, franzindo a sombrancelha. Agora qualquer pessoa que venha falar com ela recebe de volta uma cara fechada de dar medo. Até pra mim quando chamo pra fazer algo que ela não queira. É muito engraçado.

Ama brincar com sapatos, tira todos da comoda e espalha pela casa, as vezes escolhe o que quer calçar, eu aguento???

Agora o ruim: está de novo com uma diarréia estranha desde quinta e totalmente sem apetite, hoje foi uma verdadeira luta pra faze-la comer alguma coisa. Tive que busca-la ontem a tarde na escola e hoje ela não foi. Está super abatida, olho fundo e pálida, além de ficar fraquinha e cair muitas vezes. Mesmo assim passou o dia super animada, correndo e fazendo bagunça. Estou sem saber se é uma virose ou é dente que está nascendo.