domingo, 12 de setembro de 2010

A gargalhada!

Quinta passada cheguei em casa com a Clara depois da creche, deixei-a sentadinha no tapete de borracha com uns brinquedos e fui ao banheiro. De repente ouvi aquele som, fiquei na dúvida se era risada ou choro e corri pra ver. Não é que a pequena estava dando aquela gargalhada, longa como nunca tinha dado antes! Isso tudo porque um dos meus gatos, o Thor, tinha passado na frente dela correndo feito um louco e parado no cantinho do tapete, daquele jeito gracioso e impetuoso que só os felinos sabem fazer, e ela achou aquilo o máximo, não parava de rir. Aliás a cada dia que passa Clara se interessa mais pelos animais, adora brincar de correr com os gatos (a gente carregando, claro) e fica doida pela cachorrinha espevitada da minha mãe. Também fica toda interessada quando ve pombos e pássaros em geral. Mamãe e papai estão amando isso!

4 comentários:

A menor casa da rua. disse...

"A Menor Casa Da Rua", um blog com dicas e muito mais para os pequenos moradores, confira:
amenorcasadarua.blogspot.com

Flavia disse...

Gargalha de filho bebê é a musica mais maravilhosa ever.

tenho um filminho da primeira gargalhada do filhote com o pai, e me emociona até hoje.

bjs

Fabiana disse...

eeeee. Depois daquele post angustiante, um cheio de alegria.

Que delícia poder presenciar um momento desses.

e gatinhos são realmente engraçados qdo fazem essas peripécias.

Bjos.

Juliana disse...

Kelly, a Carol tb fica vidrada nos nossos cachorros e a segunda super gargalhada da vida dela foi para eles. Eu que sou uma apaixonada por bicho acho a coisa mais linda desse mundo. Mãe é tudo boba mesmo né?